portas internas

Escolher as portas internas sempre gera dúvidas. Afinal, você vai “conviver de frente com elas” diariamente. Considere, entre outras, as 5 perguntas a seguir.

Escolher modelos desenhados sob medida ou comprar prontinhas? Analisar as portas internas com cuidado faz muita diferença na estética e praticidade da sua casa.

Para lhe ajudar nesta fase de escolhas, selecionamos as perguntas mais comuns que recebemos no dia a dia. Leia com atenção e capriche na hora da decisão.

O que devo observar nas portas internas?

Essa pergunta é por onde começamos os esclarecimentos. Por mais que ela mereça um texto quase só para ela, vamos simplificar a dois itens que não podem faltar:

  • Veja se as portas têm certificação, selo do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) ou alguma outra garantia que atenda às normas técnicas nacionais;
  •  Cheque sua qualificação no Programa Brasileiro de Qualidade e Produtividade do Habitat, do Ministério das Cidades.

portas internas

Compro portas internas sob medida ou prontas?

Neste caso, vai depender do orçamento e da especificação do seu projeto. Portas internas (e externas também) sob medida, normalmente pedem investimentos um pouco maiores. Se elas saírem muito do padrão, seu custo vai ficando mais alto de acordo com o seu pedido.

Ao escolher um desenho exclusivo de portas internas, o profissional responsável pelo projeto precisa checar o detalhamento dos caixilhos e o tempo de entrega do material.

Como faço para calcular o vão de instalação?

Considere que o vão deve ser maior que a peça 1 cm na altura e 2 cm na largura. Desta forma, permite-se a movimentação correta das folhas, além de barrar praticamente toda a entrada de luz e ar.

Este é mais um exemplo claro da importância de um projeto bem feito, que deve prever o tamanho exato de cada porta e os seus vãos. O mesmo vale para as janelas.

portas internas

Quando posso instalar as portas internas?

Com bastante cuidado, após a pintura das paredes, é que recomenda-se instalar as portas internas. No caso das portas que já foram compradas, deixe-as armazenadas em um local seco.

Se por ventura, você tiver que instalar as portas antes do previsto, mantenha os caixilhos, especialmente os de alumínio, dentro das embalagens originais para evitar o contato com outros produtos na obra. Pode-se ainda protegê-los com plástico, papelão ou painéis de compensado.

Importante: contrate uma equipe especializada para evitar problemas na instalação das portas internas.

Qual é o melhor material para portas internas?

Os materiais para portas internas mais utilizados são: madeira, aço ou ferro, alumínio e PVC. Compare e veja qual é o melhor para o seu caso:

  • Madeira: as portas de madeira são elegantes, tem boa durabilidade e são versáteis. Além disso, asseguram bom isolamento acústico e térmico;
  • Aço ou ferro: essas duas opções são semelhantes e oferecem boa durabilidade e manutenção. Às vezes, são um pouco mais caras que os outros modelos;
  • Alumínio: as portas de alumínio são modernas, tem boa duração e sua manutenção é simples;
  • PVC: os modelos em PVC não são os mais sofisticados, no entanto, são versáteis e tem boa durabilidade. Além disso, oferecem bom isolamento acústico e térmico.

portas internas

Como comentamos no comecinho do texto, estas são apenas algumas dúvidas frequentes de nossos clientes. É muito importante, antes de tudo, que você fale com um profissional da área. É ele que vai dar mais dicas e com certeza uma opção certeira de acordo com a sua necessidade.

Gostou do tema de hoje? Se ainda ficou com alguma dúvida, entre em contato conosco. Estamos à sua disposição!

Construir ou não uma casa de madeira?

Nós temos super dicas que podem ajudar na sua decisão!

Nome:

E-mail:

Celular:

Cidade:

Você já possui residência?

Nos próximos 12 meses você prentende: